segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Amarante Christmas Trail ...Uma corrida apaixonante


Nunca é tarde realmente para começar , esta frase tantas e tantas vezes escrita por mim  e que dou como exemplo para tantas coisas que vou fazendo ,( mesmo que ás vezes pense estar "velho"para as fazer) é aplicada a esta minha ultima experiencia na corrida , o Trail .

Já lá vão nove anos desde que me iniciei mais serio nesta coisas das corridas , e até hoje apenas tinha corrido estrada (excepção feita a uma prova de montanha em ALIJO EM 2007).
Basta estar atento para ver que o TRAIL se está a

tornar moda mesmo nos mais jovens o que não deixa de ser uma agradável surpresa.
Pois bem este fim de semana resolvi aceitar o repto da Natércia e participei com ela no Amarante Christmas Trail prova organizada pela Ada Trail Running team em colaboração com outras entidades locais e que não tinha carácter competitivo .
Pois foi com o tempo de chuva miudinha que cerca de uma centena de atletas na sua maioria praticantes habituais desta especialidade partiram em direcção a vários pontos da cidade e arredores com um grau de dificuldade que honestamente não estava á espera embora a minha preocupação era a Natércia ela que não gosta de subidas .
Passados os primeiros sustos começamos a engrenar e cedo se notou a diferença entre quem estava bem física e mentalmente para este grau de dificuldade.
O TRAIL tem esta particularidade de nos levar a sítios que de outra forma jamais lá iria-mos , assim foi passamos por locais lindíssimos e para amantes da natureza como nós  foi  fantástico .
Depois de uma primeira passagem pela parte urbana foi tempo de subir...subir ...subir...a paginas tantas apesar do percurso estar marcado chegou a existir alguma desorientação dado o cansaço provocado pela subidas ...a Natércia que tinha dado a ideia de participar estava a adorar embora nas subidas mais acentuadas as tivesse que fazer a passo . Deu para tudo até para ...namorar!
Mais ou menos a meio um saboroso abastecimento com o tradicional biscoito da Teixeira que foi óptimo para retemperar forças e partir em direcção á ultima subida situada no extremo da cidade .
A ultima vista sobre a cidade é fantástica e um grande cartaz turístico que aconselho vivamente  a visitar.
A prova inicialmente apontava para 14km , mas no final teve apenas 12.3km .
Foi uma experiencia muito boa em que podemos conhecer melhor a nossa terra fazendo uma actividade saudável. Parabéns aos organizadores pois tudo estava na perfeição apesar da prova não ser oficial.Como balanço pessoal gostei e penso um dia destes lançar-me numa maratona de trail para levar a adrenalina ao máximo em plena natureza. 

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

A corrida não é moda..é uma necessidade...

Muito se tem escrito ultimamente sobre a corrida , a grande divulgação que hoje em dia se faz através dos mais variados meios de comunicação faz com que muitos digam que correr virou moda.
Confesso que sou completamente contra esta conclusão tirada por alguns sectores da sociedade.
No meu caso pessoal correr não é moda mas sim uma necessidade...acredito que isso aconteça com uma grande maioria dos corredores do pelotão , aqueles que normalmente correm por prazer e vêm na corrida uma forma de aliviar a pressão e o stress causado no dia a dia de cada um.
A sociedade está a mudar são cada vez mais os que se "mexem"sinal que se sentem bem quando o fazem 
á dias testemunhei uma situação pouco vulgar e impensável á pouco anos.
Durante anos a sociedade consumia futebol por todos os lados , aos poucos as coisas estão a virar de direcção se não vejamos:
A semana passada passava eu na zona da cidade do porto quando o FCP jogava para a liga dos campeões um jogo importante , fiquei admirado com o movimento á hora do jogo e mais fiquei com as centenas de pessoas que vi a correr aquela hora quando se disputava jogo tão importante e transmitido em canal aberto...coisa impensável á poucos anos atrás.
 Aos poucos aquilo que parecia impossível vai mudando não por moda mas por necessidade , porque a corrida é algo que não se explica , sente-se e funciona como um alimento para o corpo e para o espírito.
Para ajudar a compreender melhor o que vai na cabeça da maioria dos corredora deixo aqui um comentário do amigo da blogosfera Fernando Varela do blog  corro logo existo

"Muitas das vezes quem não corre não consegue perceber o que isto significa: ele é "o correr atrás de nada", o ser "doido por correr de madrugada, ao frio e à chuva", o achar mais importante ficar de manhã na cama, ou passar a tarde no sofá.
A maioria das pessoas não compreende o que é definir um objectivo e conseguir alcançá-lo, o ultrapassar daquilo que até à pouco tempo eram os nossos limites, o companheirismo que se encontra nas provas, o apoio que nos dão quando precisamos, o apoio que podemos dar aqueles que precisam mais do que nós, a alegria de passar por baixo daquele pórtico, e todo o convívio que temos, antes e depois das provas."
Correr é simplesmente uma forma de vida."

  E mais não digo ...pois está aqui tudo..
Boas corridas!

Enquanto há vida , há esperança e" HÁ FEST!"

Enquanto há vida há "Fest!!! Diz o povo na sua linguagem popular que "Enquanto há vida , há esperança, foi e será sempre segu...