quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Façam sempre por amarem a vida que vivem!

João Marinho
Meus caros amigos corredores , amantes da corrida e da natureza , por estes dias parece que algo de nós se perdeu devido ao desaparecimento nas montanhas  das Astúrias do João Marinho atleta amarantino , cidadão do mundo .
Todos vós devem ter conhecimento desta triste noticia , a comunicação social tem dado o devido destaque , a comunidade local em especial aqueles que estão mais de perto com este desporto estão de certa forma ansiosos e á espera que amanhã com a chegada de uma equipa especializada ao local possam juntamente com a policia espanhola  encontrar o "nosso"João.
Não tenho particularmente uma amizade com o João  falei com ele algumas vezes e apenas tive oportunidade de correr com ele uma única vez , mas é daquelas pessoas que merecem viver tal é a forma alegre e contagiante como se relaciona com os outros.
O João Marinho ama a natureza e a corrida resolveu mais uma vez ir ao encontro das montanhas desta vez na vizinha Espanha na zona das Astúrias ele que já correu nos vários cantos do mundo tanto a correr a pé(Trail)como em provas de BTT.

Resolvi por este post para manifestar a minha tristeza mas ao mesmo tempo continuo a acreditar e a ter fé que o recente curso que frequentou de sobrevivência lhe vai ser muito útil
...assim seja.
Termino com uma frase que o João tem no seu blog e que de alguma forma traduz a grandeza da sua alma "Façam sempre por amarem a vida que vivem".
Até já João!

5 comentários:

  1. Sei que é muito difícil mas tenho esperança que tudo não passe dum susto

    ResponderEliminar
  2. Ando de coração apertado por estes dias, não conheço o João Marinho pessoalmente, mas como amante das corridas na natureza e pelos blogues de corrida não podia deixar de admirar este homem...estou na Alemanha em trabalho esta semana, e por isso não consigo acompanhar o desenrolar das coisas...a primeira coisa que faço quando chego ao Hotel é ir ver as noticias para ver se há uma boa nova. A esperança é a última coisa a morrer, e embora difícil, quero acreditar que é possível que o João Marinho regresse vivo. Temos que acreditar... :(

    ResponderEliminar
  3. Obrigado Carlos por mesmo longe te mostrares solidário , se tudo correr bem terei todo o gosto um dia em tu apresentar para veres ao vivo a grandeza deste aventureiro corredor.abraço

    ResponderEliminar
  4. Sei que não é nada fácil mas tenho muita esperança que tudo acabe bem e um dia possa vir a conhecer o João Marinho pessoalmente.

    ResponderEliminar

Um "Mar de atletas" Invadiu o Porto de Leixões

...quase a terminar um Verdadeiro Mar de atletas invadiu ontem  o Porto de Leixões na 4ª  CORRIDA PORTO DE LEIXÕES   prova organizada...