segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Na Mais Dura Maratona do Mundo uma recordação para a vida!

"O querer ultrapassa montanhas"~




Um dia depois da minha participação na Geres Marathon é tempo de reflectir e partilhar o "turbilhão" de emoções que antes durante e depois da prova me envolveram com sensações que tinham tanto de raras como de divinas!
Como escrevi no post anterior a incerteza que pairou sobre a minha cabeça desde que me apercebi da verdadeira dureza da prova desde logo começou a "ferver"dentro de mim , como resultado tive uma noite de alerta total não conseguindo pregar olho , parti assim para o Geres sem dormir!!!
Cheguei ao Geres ao amanhecer  muita gente da organização empenhada para que tudo estivesse pronto a tempo e horas entre eles Carlos Sá um dos mentores deste grande projecto.
Despachadas as formalidades foi tempo do pequeno almoço na companhia do Simão e da Natercia que fizeram questão de me acompanhar na viagem para esta "aventura", logo ali vi muitos atletas que por norma não vejo , o meu habitat não era aquele ...muita gente ligada ao trail que como sabem é coisa que não me cativa muito.
Depois de "vistoriar"a zona envolvente eis que encontro o Jorge Augusto amigo de muitas corridas e de muita fibra alguém que motiva muito um autentico guerreiro que nas ultimas semanas correu o  Reccua Douro ultra trail na distancia de 80 km !!! ..a 8 de Novembro a Maratona do Porto ..e estava ali tal como eu para correr a mais dura maratona do mundo !!!
Estava muito calmo mas ao mesmo tempo "desconfiado"comigo mesmo pois olhava em minha volta e via a altitude das montanhas sabendo que tinha que ir para lá..
A prova inicia-se ás nove em ponto ...a adrenalina entra em acção 7 km sempre a subir vertiginosamente ...o primeiro controle e abastecimento ...ufa"..foi tempo de inverter a marcha e 4 km a descer nesta fase o Jorge á muito que me tinha fugido..decidi continuar com alguma prudência pois ainda faltava muito ...
Aos 14 nova paragem no abastecimento , depois de ingerir alguns líquidos continuei agora mais aliviado pois um terço já estava feito.Nesta fase já eram muitos os grupos o pelotão estava partido e cada um travava uma luta individual ..é nesta fase que encontro um atleta que correu a primeira edição e me diz que o pior estava feito...desconfiei e vi que era para me animar...de seguida mais 5 km sempre a subir !!!
Aos 20 km nova paragem , aqui estive 5 minutos a beber mas também a comer alguns alimentos como chocolate e mel que muito jeito me deram para a segunda parte.De seguida cerca de 8 km ao longo da lagoa  em percurso de terra até nova e longa subida..por volta dos 30km encontro o Jorge Augusto ...a passo e algo cansado com ele percorri cerca de 5 km mas ele insistiu para eu continuar pois não estava com força para me acompanhar ..respeitei a sua opinião e fui andando com a  certeza que o objecto final iria ser alcançado.Os últimos 5 km são a descer mas numa fase em que as pernas parecem "chumbo"..e mesmo a descer fiz algumas paragens .
Aproveitei as muitas fontes da descida para me refrescar pois a temperatura aquela altitude já era alta ...a parte final foi algo sofrida mas com uma emoção dentro de mim de estar perto de terminar este grande desafio ..quando chego á rua principal do Geres local da meta ,  encontrão-se largas centenas de pessoas ...olho para o céu ,  e um suor frio escorre no meu corpo .".é para ti . João Marinho" disse emocionado em direcção ao céu !!!..depois avistei a Natércia e o Simão que abracei e agradeci por me aturarem nesta minha loucura ...de seguida retomo a passadeira vermelha para terminar a minha maior loucura da vida das corridas e não só!!
Resta dizer que o tempo era o que menos importava , no entanto sempre vos digo que terminei os 42 km com 4 h21:53 na 150º posição da geral e 22º do meu escalão M 45 numa prova que á partida tinha 385 inscritos de várias nacionalidades e foi ganha pelo atleta Búlgaro  Milhal Lalev um jovem radicado a alguns anos na região de Braga.

"NADA É IMPOSSÍVEL , BASTA ACREDITAR"





5 comentários:

  1. Muitos Parabéns! Uma loucura? Um desafio? Uma prova? Sei lá...só sei que a quero fazer, muito provavelmente já para o ano :) Obrigada pela descrição e mais detalhes, dicas, conselhos, observações e comentários serão bem vindos! E sim, concordo que "Nada é impossível, basta acreditar" E sempre a Acreditar, lutar, lutar até chegarmos onde queremos! E depois...continuar! Porque parar é morrer :) Beijinhos para ti e para a Natércia

    ResponderEliminar
  2. Muitos parabéns Joaquim. Vamos lá ver se para o ano consigo finalmente fazer esta prova.
    Abraço

    ResponderEliminar
  3. Muitos e muitos parabéns pela enorme coragem e pelo excelente tempo!

    Um grande abraço!

    ResponderEliminar
  4. Parabéns Joaquim. Sei bem a emoção que sentiu!!!

    Abraço.

    ResponderEliminar
  5. Que espectáculo Joaquim! Muitos parabéns por esta enorme aventura.
    Não tenho dúvidas que muitas foram as emoções sentidas. E jamais esquecerás esta grande aventura.
    Parabéns!
    Beijinhos para ti e para a Natércia

    ResponderEliminar