domingo, 17 de abril de 2016

Está tudo a bater no fundo..

Ausente das corridas e de correr com regularidade hoje decidi arranjar "assunto"e partilhar com blogosfera  corredora algo que me tem á muito deixado inquieto tal é o descalabro a que chegou.
De facto o mundo está a ser gerido pela incompetência e corrupção , todos os dias somos confrontados com escândalos  a todos os níveis  que desacreditam a sociedade .Mas o assunto que quero falar é o escândalo do doping que atingiu níveis á escala mundial e a que portugal como é óbvio não ficou de fora.
 Quando a 24 de Março vi na televisão o actual responsável  pela Adop muito "zangado" numa audição parlamentar a garantir que com ele não iriam existir ingerências  naquela organismo , logo vi que algo se passava .
Rogério Joia , o homem que reclama independência..
A resposta chegou ontem e com uma decisão que pode envergonhar  e de alguma forma pôr a nu a fragilidade do sistema de controle anti-doping em portugal .
A agência mundial anti-doping suspendeu a acreditação do laboratório de analises de dopagem (LAD) em Lisboa
Sou e sempre serei a favor do desporto limpo , os casos que se têm verificado nas mais diversas modalidades como o ciclismo e atletismo e agora também no ténis ao mais alto nível só deixam surpresa para quem anda distraído...
Espero que em ano de grandes competições não apareçam surpresas e que quem representar o pais o faça "limpo".
Que pelo menos o desporto consiga dar ao mundo um exemplo de seriedade já que em outras áreas
..é o que se sabe.!

2 comentários:

  1. Pois...
    Gostava de saber o que esteve na base dessa decisão para entender melhor questão. Mas que é muito estranho lá isso é!
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  2. Conhecemos bem aquela extraordinária sensação de superação que nos dá um orgulho para sempre.
    Algo que quem se dopa nunca irá sentir. Nem sei como dormirá consigo próprio...

    ResponderEliminar

Enquanto há vida , há esperança e" HÁ FEST!"

Enquanto há vida há "Fest!!! Diz o povo na sua linguagem popular que "Enquanto há vida , há esperança, foi e será sempre segu...